Resenha de Filmes: O Expresso da Meia-Noite

Postado por Guilherme Faraco
Olá pessoal, hoje estreio um quadro em ''OFF'' como já informado antes no comunicado de retorno do Pró-Wrestling Brasil, e o de hoje se trata do ''Resenha de Filmes'', então, clique na continuação para conferir.

Informações Básicas
Nome Original: Midnight Express
Data de lançamento: 31 de agosto de 1978 (mundial)
Direção: Alan Parker
Trilha sonora: Giorgio Moroder
Roteiro: Oliver Stone
Elenco: Brad Davis, John Hurt, Irene Miracle, Randy Quaid, Bo Hopkins, etc.

Sinopse 
Billy Hayes (Brad Davis), um estudante americano, ao visitar a Turquia decide traficar alguns pacotes de haxixe, prendendo-os debaixo de suas roupas. Seu plano acaba não dando certo e ele é preso, com sua vida se transformando em um pesadelo a partir de então, pois é brutalmente espancado e jogado em uma imunda prisão. Quando espera ser libertado é levado a um novo julgamento com efeito retroativo, que o condena a uma longa pena.

Resenha
Após essas breves informações vocês já podem ter percebido um pouco do que se passa no filme, e portanto agora darei minhas opiniões pessoais em relações ao filme. Primeiramente, gostaria de creditar, e dizer que as informações sobre informações e sinopse foram tiradas do site AdoroCinema.com, portanto esse conteúdo é de total autoria e direitos dos mesmo.

O filme ''O Expresso da Meia-Noite'' se trata sobre um filme baseado na vida de Billy Hayes, que ainda jovem, tentou partir para Turquia levando ''Haxixe'', e é claro que as leis não permitiam tal ato, mais por muitas vezes no filme nos identificamos com o personagem, devido a bela atuação de Brad Davis, que modestamente sempre se destacou naquela época, mesmo não fazendo grandes produções. Vale ressaltar que por mais que se diga que a história foi realmente real, o próprio autor chegou a afirmar que algumas cenas (como por exemplo o encontro dele com o policial) foram adaptados para Hollywood, mas mesmo assim, o filme não deixa de ser uma boa obra de arte, incluindo a trilha sonora e as atuações.

Voltando a parte da história, por lá Hayes faz algumas amizades, inclusive, esteve em várias tentativas de fugas, sempre mal sucedidas, e que resultavam em punições, e por muitas vezes ele tinha que assistir seus amigos serem torturados sem poder fazer absolutamente nada. Além disso, o filme mostra a corrupção do sistema carcerário da época, que continua presente até mesmo nos dias atuais em todo lugares do mundo

Para mim as cenas mais marcantes, são quando ele recebe a visita de seu pai, que diz que fará de tudo para tirar seu filho daquele inferno e também quando o mesmo recebe a visita de sua namorada, que além de tudo é bastante inusitada, fora é claro o carinho que o mesmo tem com seus amigos, e a vingança com o ''X9'' oficial da cadeia, onde foi arrancada até sua língua (o autor disse que essa parte também foi adaptada, mais não deixa de ser foda).

Enfim, é realmente um filme muito bom, que atinge um assunto muito peculiar, mais o que mais vale é você você assistir esta obra-prima, as adaptações, e as atuações são incríveis, e o maior destaque fica para Brad Davis que se esforçou e caiu muito bem no papel. Além do mais, o ator conseguiu que você torcesse por ele, e ficasse preocupado com os momentos dele na prisão, pelo seu carisma apresentado no filme, mesmo sabendo que o contra bando não é algo legal, e é justo uma punição na cadeia, mas é claro que o mesmo passou por injustiças, e torturas que não necessitavam de tanto.

E bom, eu não revelei muitas coisas do filme, pois é algo que merece ser assistido, e não consigo transmitir de forma tão perfeita, então se tiverem um tempo e se interessarem, assistam o filme abaixo pelo player do YouTube.



Então é isso pessoal, espero que tenham gostado e nós vemos em breve! :)